Blog da Teia

Por dentro do dia a dia da criação editorial

Já parou para pensar nos benefícios da newsletter?

*Por Ana Paula Bertran

Entre as ferramentas de comunicação que vêm ganhando cada vez mais visibilidade nos últimos anos está a newsletter. Isso porque se trata de um material que pode ser dirigido e segmentado para públicos distintos, além de apresentar maior alcance – já que o e-mail pode chegar muito mais longe –, menor custo e mais rapidez – uma vez que não exige gastos e/ou disponibilização de tempo com impressão e/ou entregas, como ocorre com jornais e outros materiais impressos.

Como qualquer outro veículo de comunicação, a ideia da newsletter é fortalecer a marca abordada, assim como gerar conhecimento, fidelidade, reconhecimento e retorno. Para atingir esses objetivos, porém, ela deve seguir algumas regras: trazer títulos curiosos – que chamem a atenção dos leitores – e apresentar conteúdos mais curtos – pois a leitura será na tela do computador, do tablet, do telefone celular etc.

Alcance
Essa ferramenta pode ser direcionada a vários públicos. No caso de a equipe interna ser o público-alvo, a recomendação é que a periodicidade seja semanal. Afinal, a ideia é levar aos colaboradores todas as informações importantes do período, de maneira reduzida, porém dando o recado. E o jornal impresso – que geralmente é mensal, bimestral ou até trimestral – fica focado nos detalhes dos temas. Já no caso do público externo, as regularidades quinzenal ou mensal são as mais indicadas, – logicamente dependendo do público que irá receber e também do conteúdo. É importante apontar dados atualizados e, ao mesmo tempo, gerar expectativa, sem lotar as caixas postais daqueles que estão cadastrados nos mailings.

E por falar nisso, é possível cadastrar os contatos em diferentes mailings, divididos por mercado de atuação e/ou de acordo com os interesses de cada um. Assim, torna-se viável uma empresa atuar com várias newsletters segmentadas.

Formato
A newsletter pode ser apresentada de muitas formas. As mais utilizadas pela TEIA Editorial são: com todos os temas na página principal, porém em textos bem curtos; com um tema principal por inteiro e outros secundários mostrando uma introdução e levando o leitor, após o clique, para os textos completos no corpo do e-mail. É importante, ainda, que a newsletter apresente links para direcionar o interessado para o site ou para as redes sociais da organização, fazendo a convergência das mídias.

Entrega
Outro ponto interessante é que a maioria das ferramentas de disparo gera relatórios, apontando quantas pessoas receberam a newsletter e abriram o e-mail, quem preferiu se retirar do cadastro, quais endereços não funcionaram, quem são os leitores que abriram a mensagem mais vezes etc. Essa base de dados serve como referência para pensarmos nos assuntos que geram mais proveito e quais os segmentos que mostram mais interesse pelos assuntos destacados, pela marca apresentada etc.

Por esses e outros detalhes, a newsletter é considerada uma ferramenta importante dentro do processo de comunicação. Lembrando que o mailing e os assuntos são adaptados a cada edição, a fim de atingirem sempre um melhor aproveitamento.

Conte conosco!

*Ela é simplesmente louca por animais! Tem duas “filhas caninas” que são sua paixão. Além disso, a Ana é formada em Jornalismo pela Puc-Campinas e pós-graduada em Comunicação com ênfase em Relações Públicas pela Faculdade Cásper Líbero. Tem fluência em inglês e fala um pouco de alemão. É especialista em edição, redação e revisão de conteúdos de jornais e revistas empresariais, além de outras publicações como manuais, glossários, entre outros.

Mais recentes

Série sobre produção de tomates é sucesso no canal Coma Bem

Gincana Acelera da Sherwin Williams